Alê Prates


Viajante, apaixonado por novas experiências, ouvinte atento. Criar para mim é uma necessidade.

Oi, tudo bem?

Me chamo Alessandro Prates, “Alê” para os amigos. Sou baiano, canceriano, detalhista, vegano e pai de uma felina cheia de personalidade.

O que eu sou mesmo? Um viajante. Sempre de mochila nas costas, apaixonado por experimentar coisas diferentes, conhecer novas pessoas e olhar além do que está à minha frente. O design me trouxe e continua trazendo esse “ver mais adiante”.

Minha história no ramo de design gráfico, em Salvador, já tem 20 anos. Fiz minha graduação em Desenho Industrial na Universidade Federal da Bahia (UFBA) e me especializei em Marketing e Publicidade Digital na Faculdade 2 de Julho e hoje faço uma Pós-Graduação em História e Cultura Afro-Brasileira pelo INE.

Minha carreira teve início desenvolvendo plantas industriais para a Prefeitura de Salvador e, em seguida, atuei como designer do setor de endomarketing do ISBA, antigo CEFET-BA. Também cheguei a trabalhar com fotografia no Estúdio de Hailtom Sampaio e participei da editoração do Jornal Tribuna da Bahia.

Tempos depois, levei minhas experiências e aprendizados para um novo universo: as agências de publicidade e propaganda. Atuei como Diretor de Arte na Grafite Design e Shopping Brindes e Diretor de Criação na Agência Nova Café. Apoie remotamente na área de criação e marketing a agência Conecta3 (Lauro de Freitas) . Atualmente, também de forma remota, apoio às agências Inside Digital (Florianópolis), Studio F (Salvador) e Marcô Coletivo de Comunicação (Salvador), na área de criação e marketing digital.

Atuo nas mais diversas possibilidades criadoras do Design, do impresso ao digital, no desenvolvimento de embalagens, identidades visuais, editoração, até web e ilustração. Como diria o poeta Fernando Pessoa, “viver não é necessário, necessário é criar”. E em cada criação, você verá minha sensibilidade, versatilidade, intuição e ideais.

Quando não estou trabalhando com identidade visual e ilustrações, ouvindo música, cozinhando ou praticando atividade física, estou fazendo o meu melhor para ajudar pessoas e animais a encontrarem a mesma felicidade e respeito que busco diariamente pra minha vida. Atuei durante três anos, dois deles como Coordenador, na área de comunicação da TETO-BA, organização internacional de combate à pobreza, e responsável por parte das estratégias de mídias sociais do Gatil Irmã Francisca.

Seja como designer, seja como voluntário que sou, busco exercitar diariamente a minha capacidade de escuta. Há que se escutar o que o outro diz, escutar as entrelinhas, o gesto, a ação, para compreender suas necessidades e emoções. Escutar é uma atitude saudável, solidária, enriquecedora e cheia de empatia. Somente quando escuto genuinamente o outro, sou capaz de compreender o mundo dele e a sua perspectiva.

E agora, que você já conhece sobre mim e o meu trabalho, como posso te ajudar? Vamos criar algo novo?

Agora que você já conhece um pouco sobre mim e meu trabalho, como posso te ajudar? Sou todo ouvidos!